quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Relatório da Missão 28 do Habitat Marte - 21 e 22 de janeiro de 2020


Período: 
21 e 22 de janeiro de 2020.

Local: 
Habitat Marte – Núcleo de Pesquisas em Engenharia, Ciência e Sustentabilidade do Semiárido (NUPECS) – Caiçara do Rio do Vento – RN – Brasil.

Membros da missão:
Davi Alves Feitosa de Souza
Executivo-chefe.

José Felipe da Silva
Assistente de Operações

Prof. Julio Francisco Dantas de Rezende
Comandante da missão

Objetivo geral:
Expansão do BioHabitat.

Apresentação
Na missão 28 desenvolvida em 21 a 22 de janeiro de 2020 realizou-se manutenções e reformas no BioHabitat. 

Atividades desenvolvidas na missão:
- Desenvolvimento de uma porta para o BioHabitat;
Realização de manutenção da infraestrutura do BioHabitat.

21 de janeiro de 2020
Horário
Atividades
15h
- Início da missão;
- Verificação de várias atividades a serem realizadas na estação.
15h-0h
- Construção da porta da área expandida e manutenção do BioHabitat.

22 de janeiro de 2020
Horário
Atividades
0h-h15m
- Preparação do relatório;
- Preparação para dormir;
- Temperatura interna do Habitat: 27,5 oC;
- Umidade relativa interna do Habitat: 72%.
5h
- Despertar.
5h-6h
- Limpeza do Habitat Marte;
- Preparação do café da manhã;
- Checagem do BioHabitat;
- Temperatura interna do Habitat: 27,3 oC;
- Umidade relativa interna do Habitat: 72%.
6h-6h30m
- Café da manhã;
- Preparação do relatório da missão;
- Preparação para o encerramento da missão.
6h30m
- Encerramento da missão.

Resultados e considerações finais
                  A missão 28 na estação de pesquisa Habitat Marte, na cidade de Caiçara do Rio do Vento, Rio Grande do Norte aconteceu nos dias 21 e 22 de janeiro de 2020. Foi a segunda missão no ano de 2020.
A equipe da missão 28 foi composta por Davi Souza(Executivo-chefe da missão), Julio Rezende(comandante), tendo a colaboração deJosé Felipe da SilvaA missão teve uma carga horária de 15 horas. 
Durante a noite nunca se verificou tantos insetos durante uma missão, algo que gerou dificuldades na condução das atividades. Esse pode ser um fator de maior dificuldade das operações e funcionamento de habitats análogos. Alguns desses besouros destroem a infraestrutura do Habitat Marte à medida que fazem moradias em pequenos buracos nas paredes, gerando prejuízos e a necessidade de manutenção mais permanente.
Verificou-se, que no trabalho noturno pode haver dificuldades no manejo de ferramentas, devido à menor acuidade visual. Aspectos esses podem trazer maiores riscos nas operações, principalmente no uso de ferramentas cortantes. Esse é um aspecto relacionado à segurança que deve ser observado principalmente nas tarefas de montagem dos habitats espaciais. Muitas atividades de montagem serão realizadas à noite, ou em circunstâncias como por exemplo tempestades de areia/ poeira.
As limitações de recursos têm gerado maiores desafios na execução de tarefas, pois muitas vezes os recursos e as ferramentas mais ideais não estão disponíveis. Também existe limitação de disponibilidade de tempo dos participantes, o que demanda que algumas tarefas como a construção do novo BioHabitat seja desenvolvido em muitas etapas.
O que é observado colabora para se refletir como será em Marte. Deve existir um kit de ferramentas a serem utilizadas que atendam a uma ampla necessidade dos usuários. É pertinente questionar: como poderão ser desenvolvidas capacidades adaptativas por parte dos usuários observando possíveis limitações de recursos?
Sobre os recursos e ferramentas a serem utilizados para a construção e operação de uma estação espacial, deve-se considerar aspectos relacionados a: reusabilidade de recursos (ex.: inspiração em Lego Blocks); durabilidade; multifuncionalidade; facilidade de ser encontrado em ambientes escuros e empoeirados; design; recurso de tracking, isto é que possa ser localizado com tecnologias de suporte, entre outras características. O desenvolvimento e definição desses recursos e ferramentas deve ainda ocorrer na fase de planejamento das missões no planeta Terra.
Percebe-se que deve haver um maior planejamento para execução das tarefas de montagem. Isso pode facilitar a execução de variadas atividades em seu momento de construção das estruturas do BioHabitat, assim como maior segurança.
Nesta missão Julio Rezende sofreu dois pequenos cortes nas mãos advindos do manuseio de ferramentas cortantes. Existiram falhas de segurança. Tal situação alerta para a necessidade de uma política/ protocolos de segurança do Habitat Marte, tendo em vista que podem ocorrer acidentes mais graves. Mostra-se importante se construir uma parceria com o posto de saúde da cidade de Caiçara do Rio do Vento, assim como se realizar simulações de resgate de acidentados e necessidade de existir um planejamento sobre como ocorrer deslocamentos de emergência para a cidade de Natal.
A missão foi muito importante para pensar vários possíveis artigos que serão elaborados para eventos nacionais e internacionais apresentando os resultados das missões no Habitat Marte.
Mais informações sobre as missões e o Habitat Marte podem ser encontradas em www.HabitatMarte.com.

Prof. Julio Francisco Dantas de Rezende (Comandante da missão) - Habitat Marte – www.Habitatmarte.com.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Report of Mission 39 in Habitat Marte

Days:  May 14 th -19 th , 2020. Members of the mission : Agnieszka Elwertowska (Poland) Commander Main station chief E-...