terça-feira, 5 de novembro de 2019

A estação espacial Habitat Marte é apresentada no Museu do Amanhã



A estação de pesquisa Habitat Marte é tema de palestra no Museu do Amanhã, na cidade do Rio de Janeiro. A apresentação ocorre no dia 6 de novembro. A palestra intitulada Marte e semiárido: desafios à sustentabilidadeconvida a se refletir sobre a produção sustentável de alimentos em regiões sob ameaça climática no planeta, como é o caso da caatinga brasileira, em especial o sertão do Rio Grande do Norte, onde funciona o Habitat Marte na cidade de Caiçara do Rio do Vento à 100 km de Natal, na BR 304.
A estação Habitat Marte tem como desafio funcionar como um ambiente circular no qual é realizada a produção de alimentos, reciclagem de resíduos, produção da própria energia, coleta, gestão e tratamento da água e tratamento e reuso de águas rediduais. Tais conceitos e os protocolos desenvolvidos na estação são aplicados em habitats espaciais.
Soluções encontradas no Habitat Marte, como a operacionalização de tecnologias sociais a exemplo da aquaponia, de estufa e canteiro econômico, podem colaborar para  o combate à fome e pobreza, aspectos esses relacionados aos desafios a serem enfrentados através da operacionalização dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável.
A palestra explora sobre como o compartilhamento de ideias geradas no Habitat Marte através de relatórios, pesquisas e palestras pode despertar o interesse pela ciência de crianças e jovens. O Habitat Marte está construindo uma parceria voltada à divulgação científica com o Museu do Amanhã.
Mais informações sobre o Habitat Marte podem ser encontradas em:www.HabitatMarte.comou através do Whatsapp: 99981-8160.

Informações sobre a palestra na página do Museu do Amanhã:
https://museudoamanha.org.br/pt-br/evento-marte-e-semiarido-desafios-a-sustentabilidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Palestra na Universidade Federal Fluminense - 5º Workshop de Engenharia de Biossistemas - 3º dia - 7/11/2019

A apresentação sobre o Habitat Marte no 5o Workshop de Engenharia de Biossistemas encontra-se às 5h30m do vídeo do evento.